quarta-feira, 25 de abril de 2018

Cozinhas simples, tradicionais ou vintage.

Olá amigos, bom feriado.

Hoje comemoramos o 44º aniversário da revolução dos cravos que nos trouxeram entre outras coisas a possibilidade de nos encontrarmos num mundo virtual.

Hoje coisas simples que condizem com a minha forma de pensar ecológico.
Cozinhas tradicionais. 
Tanto se tem feito para tirar o aspecto de cozinha às cozinhas que elas hoje servem para tudo menos para cozinhar. 
Só decoradores que não amam a arte de cozinhar podem fazer cozinhas como as que vejo até em programas de renome na TV.
Ao contrário do que se faz por exemplo nos Estados Unidos e Canadá, em boa parte da França e países nórdicos, há por aí uns quantos decoradores que tiram o carisma à divisão da casa onde se preparam alimentos. 

Que, a meu ver, tem de ser clássica, fácil de limpar, com tudo à mão e onde nos sintamos bem a criar alimentos para quem amamos.

Para além das imagens creditadas, as outras não sei como creditar, não há crédito de onde as trouxe, via Facebook


Abaixo uns belos azulejos que, pasme-se, voltaram a estar na moda.






Eu adoro estas cozinhas, com louças, livros, plantas, bancos e toda a  parafernalha de coisas que precisamos para confeccionar a comida.






Hoje por exemplo estou a fazer pão, tarte, a comida da família e tenho muito gosto nisso.


Num pequeno apartamento, a zona de refeições.


Algumas cozinhas nos apartamentos de hoje, têm s áreas de lavandaria numa zona. Esta ideia bem retro, para decorar com ferros antigos que se colocavam a aquecer sobre o fogo.



Pode ser um espaço pequeno, mas se for prático, é suficiente.


Outra zona de lavandaria.






Muitas ideias tradicionais!


Linda esta área de comer.



No pequeno apartamento mais acima, outra visão do espaço.





Reparem no balcão para pequenos almoços ou refeições ligeiras.





Bom feriado  Bom dia da Liberdade! Que se possa comemorar assim, ao ar livre.


Bom 25 de Abril. Que o espírito nunca morra.

Sem comentários: