quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Trabalhos para os mais baixinhos


Todas as imagens de  http://www.phildar.fr/  e http://blog.phildar.fr/



Agora que começa o tempo mais fresco, bela ideia para um aconchegante  e confortável bebé.




As tradicionais botinhas que tantas vezes é a primeira pea que tem ainda  mal chegou ao ventre da mãe...



  

Nada há de mais precioso do que o que é feito pelas mãos de quem espera. Sejam elas da mãe, da tia, da avó...



Lindo e muito quentinho. Malhas feitas  em casa ou mandadas fazer a quem saiba, são sempre melhores do que as de compra. Apesar de que hoje em dia muitas casas vendem  as maravilhas saídas das mãos de muitas pessoas  que fazem disso o seu ganha pão.
 


 Lindo este vestido em crochet com aplicações.


Ao ver este modelo, recordei-me de um post feito pela Concha, nos Saídos da Concha, sobre  peças que encolhem e ficam feltradas. Boa ideia para um casaco  de bebé, aproveitando uma dessas peças de lã, que ficam encolhidas, firmes e macias, para  um trabalho destes. E até se faz todo ele à mão.

Aqui : http://saidosdaconcha.blogspot.pt/2013/11/feltro-feito-em-casa-homemade-felt.html


As botinhas para quem já sabe bem tricotar. Confesso que não sei se é feito numa peça ou em várias e depois montadas. Recordo de uma tia avó que fazia meias e botas,sapatinhos para dormir, enquanto o diabo esfrega um olho, e até luvas, com um montão de agulhas. Esses trabalhos, não sei fazer. Quem sabe um dia me dedique a aprender. Hoje em dia encontramos tudo na net e no youtube.



Adoro malhas para criança. Versáteis e fáceis de cuidar, não esqueça de as lavar a água morna, apenas e usar um fio de qualidade.



Lindo este conjunto!



Fiquei encantada quando vi esta foto, eu sou mãe de gémeas  monozigóticas, ou seja, verdadeiras, de uma só placenta. Fazem amanhã, a poucos minutos da meia noite, 28 anos. Mas para além disso emocionei-me porque a minha querida ex-nora,teve há pouco mais de um ano, um casalinho de gémeos, lindos de morrer.

Uma pequena homenagem a quem tem gémeos e quem é mãe de muitos como eu, sempre vale a pena os sacrifícios e problemas que passam pelas nossas vidas, eles são o  futuro do mundo.



Várias ideias numa só imagem. Ideias para que nos inspiremos. Se por acaso não tem filhos pequenos, ou netos ou sobrinhos, infelizmente um caso cada vez mais recorrente dada a baixíssima natalidade, pense nos que mais precisam e como estamos a  pouco mais de dois meses  do Natal, período por excelência de partilha,  faça para os mas necessitados, ofereça com o coração, ou a uma vizinha, colega de trabalho, amiga, etc.



Até uma principiante é capaz de fazer e se não ficar perfeito, não se irrite, no próximo trabalho vai ficando cada vez melhor!


Adorei este conjunto, parece um arco-íris.


Gorros para os mas pequenos trazerem cabeça e orelhas agasalhadas.


Espero que gostem das ideias e queria desejar-vos uma continuação de boa semana.




Sem comentários: